terça-feira, 16 de setembro de 2014

Um Pequeno Cão Late na Rua - Antonio Ventura



Começo da primavera.Um pequeno cão late na noite, incessantemente.Não sabe que late, o cão miserável.Ou sabe?E nós sabemos que falamos e que realmente colocamos em nossa boca palavras que não sabemos de onde?E quem é mais miserável, este pequeno cão que late ou nós, que marcamos no calendário as estações?E o pequeno cão late, late, sem descanso, na imensa noite sempre inconsolável, de infinitas e visíveis estrelas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário