quinta-feira, 21 de maio de 2015

Trem de Ferro - Manuel Bandeira

Café com pão
Café com pão
Café com pão

Virge Maria que foi isto maquinista?

Agora sim
Café com pão
Agora sim
Café com pão
Voa, fumaça
Corre, cerca

Ai seu foguista
Bota fogo
Na fornalha
Que eu preciso
Muita força
Muita força
Muita força

Ôô...
Foge, bicho
Foge, povo
Passa ponte
Passa ponte
Passa poste
Passa pasto
Passa boi
Passa boiada
Passa galho
De ingazeira
Debruçada
No riacho
Que vontade
De cantar!
...


2 comentários:

  1. O trenzinho subiu a serra
    Foi parar numa estação
    Bebeu água e lavou a cara
    E encheu a barriga de carvão

    ResponderExcluir
  2. Faltou o "chi fuuu, chi fuuu, chi fuuu"...
    Depois de "Foi parar numa estação"

    Boa ideia, vou colocar a letra da Terra do Contrário aqui...é uma boa chamada pra falar da Terra do Sem-Olho...Que saudade de escrever meu livro da Milena Sardela...
    Obrigada por despertar a escrevedora dentro de mim de novo!!

    Beijos melecados e mordidas no braço <3

    ResponderExcluir